FORÇA BRASIL AGRÍCOLA

A FBA Força Brasil Agrícola, está a mais de 20 anos no mercado, levando ao produtor Rural melhor produtividade, qualidade e parceria contínua, através de assistência técnica de agrônomos especializados nas mais diversas culturas.

SAIBA MAIS

FORÇA BRASIL AGRÍCOLA

Alimentos saudáveis e seguros para sua saúde, garantindo segurança alimentar e indicando a origem do alimento através de rastreabilidade.

SAIBA MAIS

SOBRE A EMPRESA

SAIBA MAIS

Oferecer soluções sustentáveis para a produção agrícola, promovendo aumento de qualidade e produtividade é nossa missão.

SAIBA MAIS

CONHEÇA NOSSOS PRODUTOS

BIO ORGAFÉRTIL

Adubo Orgânico + Micro-organismos - Livre de patógenos e plantas daninhas (Composição: cama de peru, cama de frango, cinza, mucosa de colágeno, resíduos de incubatório, resíduos de celulose) Palete com tamanho de 3,1 mm. -

ECO AVASTER

É um fostito de cobre, quaternário de Amônio, alta solubilidade, que favorecem a absorção dos macro e micronutrientes, age de forma sistêmica - xilema - floema, controle e prevenção de doenças fitoalexinas.

ECO CÁLCIO

ECO CÁLCIO É um mix fertilizante que é fonte de cálcio de alta solubilidade, que proporciona maior crescimento radicular, aumento de tolerância à condições de stress, aproveitamento do B, e redução da senescência.

ECO FIXOR

É um espalhante, redutor de PH, redutor de espuma, redutor de deriva, agente de compatibilidade ( auxilia e evita a reação entre os produtos misturados na calda), umectante e surfactante.

ECO FORÇA

Eco Força é um Fertilizante de liberação controlada, que nutre a planta de acordo com suas necessidades, durante todo o ciclo.

ECO HANGER

É ácído cítrico juntamente com extrato pirolenhoso, que atuam nas plantas na função de repelente e de choque. Desseca o inseto/ácaro paralisa o sistema respiratório.

ECO KOMPLETT

É um composto de aminoácidos, extrato de algas, composto salicínicos,hormônios de Crescimento ( auxina e citocinina).

ECO ONFIT

ECO ONFIT é um ácido fosforoso, que tem ação de choque, indução de resistências à fungos e bactérias, ação direta nas doenças, causando a morte ou inibição dos fungos. Possui ação indireta no sistema de defesa da planta.

ECO ONFÓS

ECOONFÓS aumenta a capacidade de absorção dos nutrientes através da melhoria na formação do sistema radicular, auxilia no desenvolvimento de novas raízes e alongando as existentes.

ECO ORGAFÉRTIL

Fertilizante orgânico de alta qualidade, fabricado com matérias primas selecionadas e padronizadas, excelente granulometria, pouco pó, padronização no plantio.

ECO PRODUÇÃO

NPK, enriquecido com ácidos húmicos e fúlvicos, que auxiliam na liberação dos nutrientes retidos no solo, diminuidno a lixiviação e melhorando a retenção de água no solo

ECO SHOCK

Ácido fosfórico - pó cristalino estabilizado

ECO TIRANO

O Eco Tirano é um desalojante natural, a base de alho. Quando aplicado nas plantas possui ação sistêmica, sendo absorvido e por um período deixa a planta menos atrativa aos insetos, tendo efeito de repelente. Além de funcionar como espalhante, pode ser aplicado junto com agroquímicos e é indicado a sua aplicação junto com os inseticidas.

ECO ZIDOOK

É um óxido cuproso ( cobre), com formulação líquida, adesiva com amplo espectro no controle fúngico e bacteriano, ação preventiva e curativa.

INTRAX BIG FIVE

Foi desenvolvido para aplicação foliar em plantar, com o objetivo de prevenir ou corrigir deficiências do nutrientes que podem limitar o crescimento e a produção da plantação. É solúvel em água e não tóxico às plantas quando aplicado seguindo as instruções recomendadas.

INTRAX BORO

O INTRAX BORO da FBA, Proporciona: Qualidade na formação de célula; Ótima qualidade na formação de flor; Atua no crescimento da planta, frutos e vargens.

INTRAX COBRE

O intrax cobre, possui amplo espectro de controle. O cobre é sistêmico, então além da ação de contato, promove controle de patógenos vasculres, que outros produtos não atingem.

INTRAX CÁLCIO

A partir do florescimento, os vasos condutores do floema distribuem a seiva elaborada das folhas para os pontos de necessidade da cultura, como frutos, brotações, raízes, fazendo com que o intrax cálcio seja levado ao ponto de necessidade da planta

INTRAX MIX

O INTRAX MIX DA FBA, é composto por Boro, Ferro, Molibdênio e zinco. Juntos esses micronutrientes proporcionam: Nutrição das gemas frutíferas; Padronização da florada da próxima safra - através do aumento das reservas de boro e zindo em pré queda de folha; Melhor formação /qualidade dos frutos da próxima safra.

INTRAX MIX PLUS

O Intrax mix oferece maior nutrição das gemas frutíferas, padronização de florada, aumento de boro e zinco em pré queda de folha e melhor qualidade e formação de frutos na próxima safra.

INTRAX POTÁSSIO

Intrax Potássio , foi desenvolvido com minerais quelatados por aminoácidos específicos para aplicação foliar, a partir do pleno conhecimento sobre como as plantas absorvem, translocam e utilizam os nutrientes para os pontos de maior necessidade.

INTRAX ZINCO

O INTRAX ZINCO da FBA, atua no crescimento das plantas, na padronização e uniformidade na hora da colheita, e desenvolvimento das partes florais.

CULTURAS

Conheça mais sobre nosso manejo, protocolos de produção que geram maior resultado. Acompanhe nossos experimentos, através de nossos produtos com a mais alta tecnologia e assistência técnica qualificada de nossos agrônomos. Auxiliando o produtor rural, desde o preparo do solo até o pós colheita.

SAIBA MAIS

ALHO

AMEIXA

BANANA

BATATA

CEBOLA

CENOURA

CITROS

MAÇÃ

MILHO

MORANGO

PÊSSEGO

SOJA

TABACO

TOMATE

TRIGO

UVA

CULTURAS

Conheça mais sobre nosso manejo, protocolos de produção que geram maior resultado. Acompanhe nossos experimentos, através de nossos produtos com a mais alta tecnologia e assistência técnica qualificada de nossos agrônomos. Auxiliando o produtor rural, desde o preparo do solo até o pós colheita.

SAIBA MAIS

ALHO

ALHO Estático por vários anos, o crescimento do consumo passou em 2020, de 30 milhões de caixas de 10kg para 36 milhões. os ultimos anos também registraram o aumento da área plantada em seis anos, o país saltou de 9500 hectares para 14 mil hectares em 2021, aproximadamente. A perspectiva, é que o alho nacional passe a substituir gradativamente o importado. ( segundo ANAPA - Associação nacional dos produtores de alhos)

AMEIXA

A ameixa é uma das frutí­feras da família das Rosáceas do grupo conhecido como frutas de caroço, assim como o pêssego e a nectarina. Sua produção e área plantada estão muito abaixo do consumo brasileiro, sendo uma cultura de menor importância, quando comparada com o pêssego. Segundo Gilmar Arduino Bettio Marodin, professor titular de Fruticultura da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), o pêssego tem em torno de 20 mil hectares plantados, enquanto a ameixa apenas quatromil hectares. “Somos os maiores importadores de ameixas da América Latina eo quinto importador no mundo, com uma média de40mil toneladas por ano, principalmente da Argentina e Chile. Importamos também de países do Hemisfério Norte, como Espanha e Itália, mas em quantidade menor“, diz.

BANANA

O cultivo brasileiro de banana está distribuído por todo o território nacional. As maiores áreas, em 2017, localizaram-se nos Estados da Bahia com 73,1 mil hectares, São Paulo com 50,0 mil ha, Pará com 43,9 mil ha, e Minas Gerais com 41,6 mil ha.

BATATA

No Brasil, a batata é a hortaliça mais importante, com uma produção anual de aproximadamente 3,5 milhões de toneladas em uma área de cerca de 130 mil hectares. De acordo com Associação Brasileira da Batata (ABBA), o agronegócio da batata envolve em torno de 5 mil produtores em 30 regiões de sete estados brasileiros (MG, SP, PR, RS, SC, GO e BA).

CEBOLA

Cebola O Brasil registra hoje 58 mil hectares totais de área plantada de cebola. A produção nacional bate a casa de 1,7 milhões de toneladas por hectare, cultivo este, que envolve 180 mil agricultores familiares e gera mais de 350 mil empregos diretos e indiretos em todo Brasil. A produção nacional é responsável por abastecer 85% do mercado consumidor interno.

CENOURA

Tecnologia MCZ através da nutrição age na ativação das micorrizas nativas do solo, formando uma rede de conexões entre PLANTA-RAIZ-MICORRIZA-SOLO-NUTRIENTES, que aumenta o alcance das raízes para além da rizosfera e a nível de microporos do solo facilitando o acesso da planta a água e nutrientes e amplia a agregação e a atividade enzimática do solo melhorando a bioatividade do solo.

CITROS

A produção mundial de citros é de aproximadamente 102 milhões t por ano, e é oriunda de extensa área cultivada, com 7,3 milhões ha, que supera em grande parte outras fruteiras tropicais e subtropicais como banana, maçã, manga, pêra, pêssego e mamão. Os maiores produtores de laranjas são o Brasil e os Estados Unidos, que juntos representam cerca de 45% do total mundial. Destacam-se ainda nesse panorama África do Sul, Espanha e Israel, com a produção de laranjas para o mercado in natura e tangerinas, e o México, com a lima ácida Tahiti, além dos novos parque citrícolas emergentes na Ásia, como a China.

MAÇÃ

A produção brasileira de maçãs na safra 2017/18 foi de 1.094.116 toneladas. Na safra 2018/19 este valor alcançou 1.258.000 toneladas. Nas unidades federativas, 603,29 mil toneladas foram produzidas no RS, 586,47 mil toneladas em Santa Catarina, 26,52 mil toneladas no Paraná e 7,03 mil toneladas nos demais Estados (LSPA/IBGE). Para a safra 2019/20, há indícios de que não irá ultrapassar a cifra de 1.100.000 ton, em virtude do baixo calibre da fruta.

MILHO

O milho é a segunda maior cultura de importância na produção agrícola no Brasil, sendo superado apenas pela soja que lidera a produção de grãos no País. Para a safra 2020/2021, a produção esperada é de 80 milhões de toneladas.

MORANGO

Originário da Europa, o morango (Fragaria vesca) começou a ser cultivado em hortas a partir do século 15. É uma planta rasteira, que pertence à família das rosáceas, a mesma das pêras, ameixas e maçãs. Apesar de ser perene, precisa ser cultivada anualmente, pois sua produção cai bastante a partir do segundo ano. A parte comestível, que chamamos de fruto, é aromática, saborosa e vermelha. Para se desenvolver bem, o morangueiro prefere os climas temperados, mas não suporta geadas e granizo. Para que haja um bom florescimento, e conseqüentemente boa frutificação, é preciso que ocorram picos de frio. A melhor época para o plantio é entre os meses de fevereiro e abril.

PÊSSEGO

Entre vários tipos de frutíferas, o pessegueiro está entre aquelas que antes eram produzidas apenas nas regiões de clima temperado e que agora são produzidas com grande sucesso em outros locais, antes considerados como não apropriados para o cultivo dessa frutífera. Outro fator importante é que o pêssego, tanto para consumo in natura como para a indústria, é uma fruta de fácil comercialização.

SOJA

A soja é, no Brasil, um dos principais itens da produção agrícola, sendo o segundo maior produtor mundial e o maior exportador mundial, movimentando sua cadeia produtiva de agronegócio. No biênio 2016/2017, a cultura ocupou uma área de 33,890 milhões de hectares, o que totalizou uma produção de 113,923 milhões de toneladas, tendo como maiores estados produtores os estados do Mato Grosso, Paraná, Rio Grande do Sul.

TABACO

Segundo a organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação – FAO, a produção mundial havia se estabilizado nos 7,2 milhões de toneladas durante um período de 7 anos. Porém, já se observa uma pequena redução a partir do ano de 2015. Com base nos últimos dados disponíveis para o ano de 2016, a FAO indica uma produção de 6,7 milhões de toneladas de tabaco em folha. O tabaco é cultivado em 128 países, ocupa uma área de 4 milhões de hectares e a produtividade média é da ordem de 1850 kg/ha. A China continua sendo o maior produtor mundial, com uma participação superior a 40% nas últimas safras.

TOMATE

Com uma produção de tomates que beira 4 milhões de toneladas, o Brasil está entre os 10 maiores produtores do mundo há dez anos. Neste sentido, seu cultivo ocorre em cerca de 54 mil hectares espalhados por todo o país. portanto, é a 7° hortaliça com maior número de estabelecimentos.

TRIGO

Em 2020, com uma área cultivada de 2,3 Milhões de hectares (Mha) de trigo e produção de 6,3 milhões de toneladas (Mt), o Brasil foi apenas o décimo sexto produtor mundial, depois de China, União Europeia, Índia, Rússia, EUA, Canadá e Austrália, entre outros, que no conjunto entregam uma produção global de 765 Mt.

UVA

A viticultura, no Brasil, ocupa uma área de, aproximadamente, 78 mil hectares, com vinhedos estabelecidos desde o extremo sul do país, em latitude de 30º 56’ 15’’S, até regiões situadas muito próximas ao equador, em latitude de 5º 11’ 15’’S. Em função da diversidade ambiental, existem polos com viticultura característica de regiões temperadas, com um período de repouso hibernal; polos em áreas subtropicais, onde a videira é cultivada com dois ciclos anuais, definidos em função de um período de temperaturas mais baixas, no qual há risco de geadas; e, polos de viticultura tropical, onde é possível a realização de podas sucessivas, com a realização de dois e meio a três ciclos vegetativos por ano.

NOTÍCIAS

Confira notícias relevantes selecionadas pela FBA para te deixar informado sobre o que é mais importante para um cultivo de qualidade.

VER TODAS

Campo e Negócios

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, participou na noite desta terça-feira (7) de uma reunião com governadores, para tratar do projeto de redução do ICMS sobre combustíveis (PLP 18/2022).

Saiba mais
08jun

Campo e Negócios

Começou a valer neste mês o programa de liquidação de crédito rural para a agricultura familiar. Estão previstos descontos de até 95% para pagamento da dívida à vista. A negociação está disponível para adesão no portal Regularize até 30 de dezembro de 2022.

Saiba mais
08jun

Campo e Negócios

Em maio, a produção de cereais, leguminosas e oleaginosas estimada para 2022 deve totalizar o recorde de 263 milhões de toneladas, 3,8% acima (9,7 milhões de toneladas) da obtida em 2021 (253,2 milhões de toneladas). As informações são do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), e foram divulgadas nesta quarta-feira (8).

Saiba mais
08jun